quinta-feira, 9 de julho de 2015









Dois anos e cinco meses e ela é a minha verdadeira princesa!!
A minha super companheira pra lá de feminina e vaidosa!
Sem estímulo nenhum (mas com muito apoio), a Liz é apaixonada por um mundo e um jeito super feminino. Ela é viciada em fazer semanalmente as unhas, desde 1 ano. Põe batom na sua bolsa de sair, ama pulseiras, percebe claramente quando troco de brinco, se preocupa com os cabelos (cheiroso, comprido, que laço colocar), ama vestido- pede para usar.
Fala "isso é de menino, isso é de menina" e, sendo de menino, se recusa a fazer ou ver (se for um desenho). Ainda ontem, numa sala de espera de um consultório médico, ela brincou bastante tempo com um amiguinho. Mas enquanto ele falava em super heróis "combatores" do mal, ela fechava os olhos ouvindo a música do celular e dizia " sou bailarina".
Tem um jeito fofo de lidar com sentimentos, falando "ownnnn", chamando os bichinhos de "bebê", dando beijinho nas florzinhas, chamando o papai de "pinpe" (príncipe).
Agora deu para amar  ver minha foto de grávida dela e fazer disso a reprodução em brincadeira.
Ela coloca o nenê dentro da blusa e se passa por gravidinha, hahahahahaha....diz que quer ser mamãe!
Tudo é rosa ou roxo. Tudo é digno de uma princesa. Tudo é fofo ou lindo ( que lindo, mamãe). Ela conta histórias lindas, com finais felizes. Ama cozinhar comigo e troca qualquer brincadeira por estar na cozinha fazendo comidinhas cor-de-rosa.
A professora, todos os dias me fala: "Ela é muito delicada!!!" 
Nunca pensei em superestimular o sexismo. Nem pra menina, nem pra menino. Que a criança se descubra!! Mas sentir-se e amar-se meninA, veio dela. Ela é reflexo  daquilo que somos em casa. Eu, muito feminina. O papai, muito masculino. Temos claramente os interesses e hábitos bem marcados, de homem e de mulher. É isso que ela vê em casa. É isso que ela nasceu sentindo e vivendo. 
Acho a coisa mais bela desse mundo. Ela ser e exercer sua feminilidade em tudo!! E não pelo fato da feminilidade em si, mas o fato de exercer-se um ser humano com suas vontades e interesses. É de sua vontade ser e amar ser essa menininha tão fofa e delicada!!
Eu amo tanto ser mãe dessa menina!!
=)

Um comentário:

Roberta V.L. disse...

Linda!! Amo fazer parte da vidinha dessa princess!