segunda-feira, 24 de setembro de 2012


Quando você não está, nós duas ficamos sem prumo, nem rumo.
Ainda mais com essa chuvinha, quando tudo o que a gente queria era o homem de nossas vidas para nos esquentar, fazer carinho, nos proteger...
É terrível ficar sem você e não curtir juntos esse tempinho pra chocolate quente!!!
Volte logo para o nosso mundo cor-de rosa, meu amor!!!
Te amamos!!
De suas meninas Rê e Lili.

Um comentário:

Renata G.F. Scarpino disse...

É incrível como a Liz sente falta do papai quando ele fica longe por muito tempo.
A relação de pai e filha - o apego- realmente é válida e preciosa.
Ela mexe demais quando o Luiz fala com ela!!!
Linda!!!
Lindos!