segunda-feira, 14 de março de 2011


Como diria a vovó:

Uma boa esposa é como esposa de político. Tem que ser política junto com o marido, na hora de estreitar os contatos dele.
Não importa quem seja, aonde se esteja, com qual pressa, uma boa esposa deve ser a todo tempo sorrisos e a porta de entrada da clientela ou do círculo de amizades de seu companheiro.
No meu caso, a vovis sempre diz: mulher de advogado tem que ser "a mulher". Hahaha...
Bons contatos, boas relações, grandes clientes, parcerias bacanas, o respeito do magistrado, o prestígio entre os colegas...tudo isso pode ser conquistado de forma mais rápida e gentil, quando a mulher do advogado é aquele exemplo de anfitriã.
"Sabe a mulher do Dr. Fulano? Uma verdadeira lady!"
Esse deve ser o comentário. Hahaha...
A esposa não basta ser aparentemente "legal". Tem que ser educada! Vestir a camisa da educação e elegância!!! A famosa finesse!
(Isso já é o mínimo que qualquer mulher/pessoa deve ser na sociedade, seja esta quem for, todos somos iguais; igualmente pequenos no mundo!).
Pior é quando aparenta e é mal educada, deselegante, né? Affff...
Se o marido for boa gente, mais tarde ele acaba reconhecendo e se cansando disso. Fato!
Quanta mulher amarga por aí, gente de áurea cinza!! Kkkkkk...
O marido, enquanto profissional, pode ser ótimo no que faz: honesto, ético, competente, transparente, estudioso, empenhado, crítico! Mas numa confraternização, num jantar de negócios, a mulher desse profissional pode fazer com que ele pareça ainda mais exemplar: quem casa com uma boa mulher, bom homem é!
Não adianta! A política da boa convivência (até mesmo com quem não se conhece ou com os adversários) ainda é o segredo do sucesso!!!
E enquanto homem, o marido pode ser aquele "amigo para todas as horas" de qualquer pessoa.
Se sua mulher for antipática, antiquada, "cara fechada", reclamona e sem graça, acaba afastando grandes amizades de perto do marido, tornando-o uma pessoa anti-social, excluída, refém de sua amargura e deselegância, digna de pena!
Claro que há maridos passivos diante de mulheres assim, que nada fazem para mudar a relação, que não conversam sobre seus comportamentos, que simplesmente "vão levando" do jeito que é.
A esses homens, essa tampa é perfeita pra sua panela!! Hahahaha...

A mulher é a cabeça! A peça chave de um bom convívio!
"A mulher sábia edifica a sua casa..." Prov 14.

Hoje, lembrando dos "velhos" e sempre prudentes conselhos da minha avozinha!!

8 comentários:

karina disse...

Show Rê. Sua avó tem mta razão. A mulher pode tudo, basta ser boa e sociável, orgulho do marido!
O luis pode encher a boca pra falar da mulher que tem!!!!
Adorei.
bjssss

Lilian Amorim disse...

Muito sábia sua avó e pelo jeito vc aprendeu direitinho, né?
Além de linda é simpática, inteligente, educada e gentil.
Homem de sorte seu Louis :)
Beijinhos e uma ótima semana.

Marxy disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
nessa_oliveira100 disse...

VERDADE VERDADEIRA RÊ !!! nem sempre é fácil ser sempre social...
O marido tem que ficar a vontade em levá-la aos lugares.
Vc é uma lady em qualquer situação linda ... bjim***

Renata G.F. Scarpino disse...

Aaaahhhh!!!
Meninas lindas!!!!

Ju Silva Alves disse...

Isso mesmo Rê nossas avós são realmente sábias.Eu ainda acrescentaria que o marido em qualquer profissão deveria escolher melhor suas esposas,sábado no casamento de minha prima,tive exemplos lastimáveis de esposas desagradáveis.Com certeza esses maridos,nunca serão convidados para nada que eu possa organizar.
Nós mulheres temos que ter o dom da politica...E ninguém melhor que você para abordar esse assunto.

Um exemplo de elegância sempre ...

Beijos amiga.

marisa disse...

Sem dúvidas!
Texto perfeito!!
A mulher é a cabeça do marido, é ela a porta de entrada, que torna o marido sociável...
Mulher carrancuda e sem educação nem devia casar rsrsrsrs...
Bjuuusss

marisa disse...

Sem contar que essas mulheres dominam o marido de tal jeito que eles tornam refens nas mãos delas...fazem o que elas querem mesmo a contragosto deles....bjsss