segunda-feira, 13 de julho de 2009

Coragem para falar ...

O clima permenece gélido ! Na rua, em casa,nas relações afetivas !!! Tudo parece um iceberg, um trampolim no gelo ! As pontes estão cada vez maiores !
[Certamente creio que não possa ser tão direta, mas eu saberei o por quê de ter escrito isso, se um dia eu for reler o blog !]
Muitas vezes não encontramos formas de dizer às pessoas o que realmente elas precisariam ouvir, saber, entender ! Não por falta de vontade! Não dizemos simplesmente porque não sabemos como chegar e abordar o "tema". É delicado falar de determinados aspectos.
" O medo une mais os homens que a coragem." Drummond.
A forma como o outro recebe a nossa palavra é algo bastante perigoso! Qualquer desagrado no ouvir, vira desafeto no sentir. Por isso que a verdade nem sempre é bendita. No entanto nunca deixou de ser necessária, no meu ponto de vista !
Mas como falar ??? Como fazer aquele(a) entender o que eu quero dizer? Como convencê-lo(a) de que falo por consideração que há, como ser humano, como amigo, como "gente", que respira e precisa sobreviver como eu, como qualquer pessoa.
Considero-me uma pessoa muito sincera. Quando uma situação me incomoda, eu me coloco, me posiciono ! Mas às vezes me silencio quando me falta coragem para denunciar uma atitude ou apontar um defeito, um relevante traço negativo em uma pessoa que faça parte do meu convívio.
Porém prefiro o meu silêncio a minha "cara-de-pau" de mentir e fingir que está tudo perfeitamente bem. Assim eu não consigo ser !!!
Mas o silêncio assusta o outro, apavora ! Tira o sono ...cresce o medo !
Cresce a impotência que existe em mim ! Essa fraqueza que me paralisa...
Passo a transmitir um certo "ar" de severidade, de frieza, características que não me compõem ! Mas acabo passando tal imagem !!!
Só queria conseguir dizer o que verdadeiramente sinto que o outro precisa ouvir, sem MEDO !
E fazê-lo compreender que não sou "o ideal", o modelo a ser seguido , nem o olhar do panopticum que tudo vê e tudo julga !!! Longe de mim...tenho tanto erros, não posso julgar ninguém ! Apenas não posso concordar com tudo o que o outro julga certo ou adequado !
As opiniões se divergem !!!
Para mim, as válidas atitudes são aquelas que trazem a nós, algum tipo de retorno. Abstrato! Do tipo que preenche nossa alma, consciência e coração !!!
De "vazio" já basta a forma como é construído o mundo ...

"O correr da vida embrulha tudo.
A vida é assim: esquenta e esfria, aperta e daí afrouxa, sossega e depois desinquieta.
O que ela quer da gente é coragem". Guimarães Rosa

Nenhum comentário: